Notícia: Polícia registra 84 mortes em estradas federais no feriado

Polícia registra 84 mortes em estradas federais no feriado



A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou 84 mortes em acidentes nas estradas federais desde a última sexta até segunda-feira, segundo balanço divulgado nesta terça-feira (3). No total, foram 1.141 acidentes, sendo 690 deles considerados graves, com 1.066 pessoas feridas.

Como o celebração de Finados caiu em um domingo no ano passado, não é possível fazer a comparação direta, mas a PRF afirmou em nota que "a imprudência resultou em um feriado com muitos acidentes".

No feriado da Independência (7 de setembro), que também deu folga aos brasileiros em uma segunda-feira neste ano, foram contabilizadas 92 mortes, mas o número de acidentes (896) e o de feridos (1.307) foi menor.

Multas
Durante a operação especial da PRF, 45.144 motoristas foram flagrados por radares fotográficos em excesso de velocidade. As imagens também denunciaram outros 24.930 condutores, autuados em irregularidades, principalmente por falta de uso do cinto de segurança.

Ainda segundo a PRF, as ultrapassagens em locais proibidos motivaram multas para 4.228 pessoas, mesmo 1 ano depois de uma elevação de até 900% no valor das multas para este tipo de infração - considera uma dos mais letais em rodovias.

Embriaguez
Durante o feriado, mais de 32 mil pessoas fizeram o teste do bafômetro nas estradas federais, sendo que 805 dirigiam após consumir bebida alcoólica. Entre os condutores embriagados, 107 foram detidos por apresentar mais de 0,34 miligrama de álcool por litro de ar expirado.

O Código Brasileiro de Trânsito prevê multa de R$ 1.915,40 e suspensão da carteira de habilitação por 12 meses para quem dirige alcoolizado com até 0,33 miligrama por litro de ar no bafômetro. Acima deste nível, o motorista pode também pegar de 6 meses a 3 anos de prisão.

Fonte: G1
Foto: Reprodução RPC
Página anterior Próxima página